MENU

Anterior

Seu cachorro sabe quando você está triste?

Próxima

Próxima

Dicas de como treinar o seu cachorro

Próxima

14/07/2014 Comentários (5) Visualizações: 44605 Bio Florais, Cachorros, Cuidados Básicos, Projetos Especiais

Florais para cachorro: como escolher

Você viu que seu cão está apresentando um problema emocional ou de comportamento, e agora procura o ideal dentre os florais para cachorros.  Mas, e agora, qual escolher?

Ainda que algumas empresas especializadas em Florais de Bach tenham produtos com nomes de difícil associação, outras, como a Bio Florais, criam soluções específicas para os principais problemas comportamentais encontrados nos cães. Porém, mesmo assim, às vezes, é difícil escolher o que melhor se aplica ao seu cachorro.

Por exemplo,  uma dona que estava grávida pode ter um cachorro que não reagiu muito bem ao neném e, por isso, está exibindo depressão e carência.   No caso da Bio Florais, as seguintes soluções poderiam ser vistas como necessárias: “o bebê chegou,” “depressão” e “carência,” mas qual será o mais adequado para ele?


Bio Florais: Resgate S.O.S.A Bio Florais disponibiliza mais de 22 tipos de florais para lidar com diversos problemas comportamentais e emocionais de cachorros e gatos. Para cachorros passando por uma mudança de rotina ou residência, considere o floral S.O.S.


Para entender o que o seu animal precisa, você precisa tentar entender o que causou a mudança no comportamento do seu cachorro.  Buscando diferenças no comportamento e na linguagem corporal do seu cachorro em diferentes momentos do tempo, pode-se notar as possíveis causas para a alteração no seu jeito de ser. Uma vez identificadas as causas, é em relação elas que o floral deve atuar e ser receitado. Uma consulta com um terapeuta floral pode ser bem-vinda para lhe ajudar na seleção, particularmente se o cão apresenta um quadro complexo de problemas de comportamento.

Como identificar mudanças no comportamento do seu cachorro

Para identificar as mudanças no comportamento do cão, é importante entender que os animais se comunicam tanto a com linguagem verbal e corporal.  Contudo, ainda que eles também se comuniquem através dos sons, para os cachorros, a linguagem corporal é mais importante do que a linguagem verbal.  Logo, quando um cão está com medo, ele apresenta sinais corporais bastante claros de como ele está se sentindo. Ao mesmo tempo, o seu latido, sua principal forma de comunicação verbal, nesses momentos, por exemplo, é muito diferente do latido de um cachorro que está brincando.

Por esse motivo, é importante notar tanto as mudanças na postura corporal do seu cão, como também as mudanças nas vocalizações do seu cachorro. Busque perceber se ele está latindo, chorando ou resmungando (sim eles resmungam!) mais do que o comum.

Ao perceber as mudanças na postura corporal do seu cachorro, busque também entender quando o seu animal apresenta determinados padrões de comportamento. Por exemplo, se todas as vezes que seu marido aparece em casa, o seu cão coloca o rabo entre as pernas e vai para a sua cama, ele pode estar com medo. Em alguns casos, um cão com medo pode, inclusive, apresentar agressividade. Contudo, ainda que um floral para agressividade possa ser receitado, um floral para medo, que é a raiz do problema, deve ser considerado.  Assim, a dica que fica é buscar entender o que e quando o comportamento do cão mudou, para, a partir daí, comprar um floral que melhor lide com a raiz do problema.

Como entender a causa real do problema

Como dito, um exemplo de um problema comportamental que pode ter várias causas e ser tratado com florais para cachorro é a agressividade.

No caso de medo, por exemplo, você tem que levar em consideração o que está causando o medo no seu cachorro.  Ele pode estar com medo de outras pessoas, medo de ficar sozinho, ou talvez até medo de ser punido.  Em vários casos, um mesmo floral pode ser utilizado para diferentes situações, mas ao olhar a real causa do medo é possível escolher um tratamento que é adequado ao seu cachorro.

É importante também ter em mente que o problema que o seu cão está tendo pode ter causas físicas. Se você suspeitar que esse seja o caso, como por exemplo, o cão apresentar agressividade sempre quando você vai tocar em uma determinada parte do seu corpo, é recomendado que você o leve a um veterinário de sua confiança.

Outro exemplo comum é quando um cachorro está urinando no lugar errado, que pode significar tanto que ele está tentando marcar o seu território (algo que pode ser tratado com esse floral) como também pode estar exibindo uma reação a um problema físico (algo que precisa ser tratado somente com um veterinário).  Por esse motivo, é sempre bom consultar o seu veterinário antes de utilizar florais para cachorro.  Também é recomendado falar com um profissional em comportamento canino.

Os florais para cachorros reagem diferentes para fêmeas e machos?

Apesar dos cachorros machos e fêmeas terem algumas características comportamentais que os tornam diferentes uns dos outros,  quando um floral é utilizado para tratar o mesmo problema, ele age da mesma forma independente do sexo do animal. Contudo, é possível que dependendo do gênero, um terapeuta receite florais diferentes para cada animal, mesmo porque os florais são escolhidos baseado principalmente nas características do indivíduo. Ainda assim, há alguns florais específicos para o gênero, como, por exemplo, é o caso dos florais voltados para lidar com os sintomas da gravidez psicológica e da fase do cio nas fêmeas.

Existem florais específicos para as raças de cachorro?

Florais para cachorro - levar em consideração a raça

A raça deve ser levada em consideração na hora de escolher o floral para cachorro (Foto: Andrea Arbogast / CC BY-SA 2.0)

É necessário também considerar os padrões de comportamento da raça do seu cachorro na hora de escolher um floral.  Algumas raças naturalmente são mais agitadas ou carentes do que outras e isso deve ser levado em consideração antes de aplicar os florais.  Pergunte-se se o cachorro está se comportando da forma adequada para a sua raça?

Por exemplo, um rotweiller pode ser mais protetor de seu território do que um poodle, por conta das características da raça.  O nível de agressividade que ele mostra quando uma pessoa desconhecida entra em seu território deve ser levado em consideração para distinguir o que é natural da raça e o que é resultante de desequilíbrios emocionais. Nesses casos, não é desaconselhado tentar ajustar mesmo um comportamento padrão da raça, mas é provável que o floral seja mais eficaz quando trata de um desequilíbrio emocional.

Há de se considerar que a personalidade do animal tem um pouco a ver com a sua raça, mas também muito a ver com as características de cada indivíduo.  Donos que têm dois ou mais cachorros da mesma ninhada comumente falam da grande diferença em personalidade entre um cachorro e outro, apesar de terem tido os mesmos pais, os mesmos cuidados e serem da mesma raça.  Além dessas características, a maneira que o cachorro foi criado também afeta a sua bagagem emocional  e a forma com que ele reagirá as diversas situações que estiver exposto.

Assim, ainda que você deva levar em consideração as características naturais da raça para entender melhor o seu cão, o floral deve ser aplicado principalmente para lidar com os problemas e desequilíbrios emocionais do animal, independente de sua raça.

Como lidar se você é a causa do problema?

Durante a nossa convivência com os cães, nós sem querer e sem saber, despejamos diversos de nossas sensações e de nossos sentimentos nos nossos cachorros.  Eles naturalmente sentem isso de largada, mas a verdade é que vamos ainda além e alteramos a forma de tratá-los baseado no que estamos sentindo.  Assim, quando as pessoas estão felizes, elas tendem a tratar os seus animais melhor do que quando elas estão irritadas, por exemplo.

Quando você é a causa do problema, não adianta que você apenas trate o seu cão com um floral. Como dito, você deve lidar com a raiz do problema, que no caso é a forma como você se sentindo e consequentemente tratando o seu cão. Quando esse for o cenário, administre floral para o seu cão, para sua casa e também para você, como uma forma de aumentar a harmonia e o equilíbrio emocional de todos os envolvidos. Por exemplo, se você acredita que a sua irritação está causando insegurança n0 seu cachorro, não é necessário somente aplicar um floral nele para tratar a insegurança, mas você também deverá tomar um floral para reduzir a sua irritabilidade.

Floral para emergências

Bio Florais: Resgate S.O.S.O floral S.O.S. é útil quando você traz um cachorro novo para casa, principalmente os adotados, ou quando ele tem um problema comportamental que pode ser resultado de algum trauma importante na sua vida.  Esse floral é um composto de emergência e induz à segurança, à sensação de paz e ao bem estar. Ele deve ser usado quando o cachorro está passando ou passará por situações de conflito, que, dependendo do cão, vai desde lidar com um filhote traumatizado após abusos, tomar banho em um novo petshop ou até mesmo ter uma obra na sua casa.  Por esse motivo, ele pode ser utilizado quando algo acontecer na sua residência que pode causar ansiedade no cachorro.

Se você já sabe qual é o floral mais indicado para você, veja agora como aplicar florais no seu cão.

Foto principal: Ketzel por Redjar / CC BY-SA 2.0
Foto: My Gift to the Blogosphere por Andrea ArbogastCC BY-SA 2.0

5 comentários para Florais para cachorro: como escolher

  1. […] florais são essências de flores específicas, desenvolvidas inicialmente pelo Dr. Edward Bach,  e que são usados como uma forma […]

  2. Raul de Camargo disse:

    Gostaria de um sugestão especifica para tratamento do Pet.
    Tenho um pastor alemão capa preta com sete anos de idade.Desde adulto gosta muito de andar pela rua, mas com 35 quilos é muito difícil e cansativo de controla-lo. Ele também se cansa muito , transformando o passeio em um suplicio para o Pet e condutor. não sei se trata de hiperatividade ou ansiedade.
    Agradeço uma sugestão para tratamento com florais.

  3. Debora disse:

    Ola!
    Quero me indique um floral para que minha cadela tenha mais animo para caminhar.Ela e obesa, porem não sei se e por isto que ela pare tanto e tb não brinca muito.

  4. elza disse:

    olá, boa tarde eu gostaria de saber que tipo de floral posso usar em minha cachorrinha , eu á adotei faz 7 meses,ela tem 2 anos passou por 3 donos. Chegou até mim toda judiada, mas consegui cuidar dela.Mas o problema foi na ultima tosa a atendente do petshop a queimou desde então ela ficou com muito medo e ai então quer morder ,aos pouco estou conseguindo escova la, ela é da raça lhasa apso com puldoo. Grata.

  5. REGINA disse:

    TENHO U SHI TZU DE 2 MESES ELA É MUITO BRAVA MORDE E AVANÇA.QUAL FLORAL DAR PARA ELA PARAR COM ESSA REAÇÃO.TRATAMOS ELA COM MUITO CARINHO.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *